Eu preciso de doula? | Maternamos
maternamos-preciso-de-doula

Eu preciso de doula?

Se você está grávida e pretende ter seu bebê por vias naturais, você precisa de uma doula! Sei que muita gente confunde doula com enfermeira e pensa que o marido pode fazer o papel de doula, mas com certeza não é assim que funciona. A doula é um importante ponto de apoio para a mãe durante o parto – tanto apoio emocional quanto físico.

Pode parecer frescura, mas acredite: não é frescura! É necessidade. No momento do parto, estamos em contato com muitas emoções (medos, tristeza por haver uma separação física entre nós e o bebê) e também com muitas sensações concretas, como desconfortos e dores. A doula está lá para acolher tudo isso e fazer com a mãe se sinta melhor, se sinta cuidada e amparada. O marido muitas vezes não dá conta de fazer isso por dois motivos: ele também está nervoso e com medo, e ele não entende nada sobre parto. Já a doula consegue ficar muito mais tranquila porque aquele bebê não é filho dela, além de ter muito mais experiência com partos.

A enfermeira, por sua vez, tem o papel de monitorar os batimentos do bebê e fazer exames de toque, mas ela não é a parceira da mãe durante o parto!

No meu primeiro parto, o maior apoio que eu tive da minha doula foi o alívio das contrações quando ela fazia uma compressão nas minhas costas. Aliviava demais! A presença dela também acalmou bastante meu marido, o que foi ótimo. Sem exageros, posso dizer que a doula foi uma anestesia natural para mim, pois eu não tomei nenhum tipo de anestesia e o toque da doula foi o que mais me trouxe alívio e conforto.

É importante que a mãe goste da doula, sinta-se bem na sua presença. Agora no meu segundo parto, estou em contato com uma nova doula e ela tem estado super próxima de mim. Vamos nos encontrar várias vezes, inclusive no pós parto. Se você está se preparando para um parto natural, assista este vídeo em que eu te conto tudo sobre minha vivência e minhas expectativas em relação à doula!

maternamos-preciso-de-doula

Um lindo parto para vocês. Até breve!

No Comments

Post a Comment